Preview: Filmes 2018

suspiria_-_tilda_swinton

17- Suspiria

Sinopse: Algo sombrio paira sobre uma renomada companhia de dança, envolvendo a diretora artística (Tilda Swinton), uma bailarina ambiciosa (Dakota Johnson) e um psicoterapeuta de luto (Lutz Ebersdorf).

Sobre: Refilmagem do terror de 1977 dirigido pelo italiano Dario Argento, trata-se do aguardadíssimo novo filme do aclamado diretor, também italiano, Luca Guadagnino. Estrelado pela excelente Tilda Swinton e pela jovem Dakota Johnson, que já trabalharam com Guadagnino anteriormente, o longa irá estrear no Festival de Veneza antes da estreia oficial. O diretor é um dos mais requisitados atualmente, principalmente após ter entregue sua primeira obra-prima, o belíssimo Call Me by Your Name (2017). Chloë Grace Moretz e Mia Goth completam o elenco principal. Estréia dia 2 Novembro 2018.

Elenco:

 

The-Favourite-Yorgos-Lanthimos

18- The Favourite (2018)

Sinopse: Na Inglaterra do começo do século 18, a frágil rainha Anne (Colman) ocupa o trono porém sua amiga Lady Sarah (Weisz) governa o país em seu lugar. O relacionamento entre elas se complica com a chegada da ambiciosa servente Abigail (Stone).

Sobre: Outro filme bastante aguardado, trata-se do novo trabalho do grego Yorgos Lanthimos, diretor dos originais e ótimos The Killing of a Sacred Deer (2017) e The Lobster (2015). Tenho grande admiração pelo diretor, e embora seus filmes até então não tenham me conquistado completamente, que considero por vezes um tanto frios e distantes, não há dúvida que são extremamente originais, intrigantes e especiais. The Favourite acabou de estrear no Festival de Veneza com recepção calorosa, com elogios rasgados ao elenco também, principalmente Emma Stone, que vem construindo uma carreira impecável. Estréia dia 23 Novembro 2018

Elenco:

 

Ryan Gosling’s upcoming film First Man about Neil Armstrong

19- First Man (2018)

Sinopse: Um olhar sobre a vida de Neil Armstrong e a lendária missão que o tornou o primeiro homem a pisar na lua em 1969.

Sobre: Aos 33 anos, Damien Chazelle já possui uma carreira invejável, com filmes como o excelente Whiplash (2014) e a obra-prima La La Land (2016). Seu novo projeto, sobre a histórica missão da NASA também teve sua estreia no Festival de Veneza e também colheu excelente resposta, sendo já candidato forte às premiações no ano que vem. Estrelado por Ryan Gosling, repetindo a parceria com o diretor, que também vem colhendo elogios. Considero Ryan um ator competente porém nunca excepcional. Sua atuação em La La Land, apesar de eficiente, ficou bem aquém do fabuloso trabalho de Emma Stone. Tampouco brilhou no fantástico e inacreditavelmente subestimado Blade Runner 2049 (2017). Talvez mude de ideia com First Man que tem estréia em 12 de outubro de 2018.

Elenco:

 

sulla_mia_pelle

20-‘On My Skin’ (‘Sulla mia pelle’) (2018)

Sinopse: O filme conta a emocionante história de Stefano Cucchi, um jovem romano que morreu após ser espancado pela policia militar italiana.

Sobre: Baseado em uma história real, que aconteceu em 2009, o caso continua nos tribunais e mais julgamentos estão por vir.  O filme, dirigido por Alessio Cremonini também estreou no Festival de Veneza e também tem sido muito elogiado, assim como o ator que dá vida ao personagem, o jovem italiano Alessandro Borghi, astro da elogiada série da Netflix, Suburra – La serie (2017- ), que foi renovada para sua segunda temporada. Estreia em setembro na Netflix. 

Elenco:

Alessandro-Borghi©Ralf-Uhler-EFP-2-von-12
Alessandro Borghi

 

Yay or Nay: Filmes

1- BlacKkKlansman (2018)

harrier-blackkklansman-pcannes-1024x546

O filme conta a incrível história de Ron Stallworth, um policial afroamericano do Colorado, que, com a ajuda de seu colega de trabalho, que é branco, embarcam numa improvável missão de se infiltrar e expor o Ku Klux Klan local. Produzido pelo time responsável pelo grande sucesso e ótimo filme Get Out (2017) e dirigido pelo consagrado Spike Lee, BlacKkKlansman não poderia ser mais oportuno, vide a tragédia causada na cidade de Charlottesville no ano passado. Se tratando de um drama cômico, o filme certamente cresce quando aposta na comédia, repleto de cenas energéticas e uma sátira afiadíssima. Porém perde uma pouco da energia em outros momentos, que deveriam ser mais dramáticos e tensos. Estrelado por John David Washington, filho de Denzel Washington e Adam Driver. Avaliação: 7

Veredito: YAY – Apesar de inconsistente, trata-se de um filme absolutamente necessário, que, alem de expor de maneira plausível o problema da injustiça racial, é bem dirigido, possui cenas poderosíssimas e tem um ótimo tom satírico.

2- The Meg (2018)

the-meg-4

Após escapar de um ataque marítimo, em que diz ter sido provocado por um tubarão gigantesco, um mergulhador deve retornar ao oceano para salvar uma equipe de observação marítima que está presa no fundo do mar. Com esse fiapo de história, o que não é incomum à esse tipo de gênero, trata-se do novo filme do astro de ação Jason Statham, uma superprodução que custou absurdos $130 milhões. Confesso que tinha esperança de que se trataria de um bom filme trash, aqueles tipos de filmes B, que de tão absurdos, acabam sendo divertidos. Não é o caso aqui…O longa é uma combinação de géneros, porém falha em todos. Primeiramente não dá medo, o que seria fundamental, já que se trata de um filme de horror com um vilão de mais de 20 metros. Tampouco provoca risadas, sendo também uma comedia. Talvez falhe um pouco menos como ação, em que uma ou outra cena, mesmo que nada inovadoras, sejam passáveis. Pra piorar o filme flerta ainda com o romance, colocando um dos casais mais insípidos já retratados no cinema. Avaliação: 2 (porque estou de bom humor 🙂 )

Veredito: NAY –  The Meg é uma bobagem do tamanho de seu predador. Evite.

3- Calibre (2018)

calivre_filme-netflix_02

Dois amigos de longa data vão à uma vila isolada na Escócia para aproveitarem um final de semana praticando caça. Porém não estavam preparados para o que iria acontecer. Contar mais iria estragar essa agradável surpresa disponível do Catálogo da Netflix.  Apesar de ter um roteiro simples, o filme é tenso e brutal, além de trazer ótimas atuações  dos britânicos Jack Bowden, que esteve em Dunkirk (2017) e Martin McCann, do ótimo The Survivalist (2015)Avaliação: 7

Veredito: YAY – Mesmo não sendo inovador, é um filme simples e muito bem realizado, além de bem atuado. Trata-se de um ótimo entretenimento. Recomendo.

4- The Spy Who Dumped Me (2018)

Brody-The-Spy-Who-Dumped-Me

Após descobrir que seu ex- namorado era um espião, Audrey (Mila Kunis) e sua melhor amiga Morgan (Kate McKinnon) acabam sendo envolvidas em uma conspiração internacional. Quando vi o trailer do filme pela primeira vez, que não era nada promissor, imaginei que o longa iria figurar entre as bombas no ano. E não tava errado…Quando irão parar de produzir comedias que não são engraçadas? Repleto de piadas e diálogos infames de ruins, trata-se de mais um desperdício do talento de Kate McKinnon e de nosso tempo.

Veredito: NAY – Uma bobagem sem graça que, se ainda for lembrada ano que vem, terá grandes chances no Framboesa de ouro.

Review Filme: Mission: Impossible – Fallout (2018)

 

mission-impossible-fallout-2

 

Sinopse: Ethan Hunt e seu time, ao lado de alguns aliados familiares, correm contra o tempo após uma importante missão dar errado.

É comum, em franquias longas, percebermos uma queda na qualidade dos filmes. Seja por falta de ideias novas ou, como em muitos casos, os produtores investem em filmes com roteiros preguiçosos, sem paixão e os lançam somente pelo retorno financeiro. Não é o caso de  Fallout, sexto filme da muito bem sucedida franquia de ação estrelada pelo superastro Tom Cruise, em plena forma aos 56 anos, no talvez melhor filme da série. Além do elenco regular, como Alec Baldwin, Simon Pegg e Ving Chames, o filme traz de volta a atriz Rebecca Ferguson, que já havia causado ótima impressão no filme anterior, Mission: Impossible – Rogue Nation (2015). Há também a boa adição dos atores Henry Cavill, Angela Bassett, and Vanessa Kirby. O roteiro tem ótimas reviravoltas, sequências excelentes (uma cena dentro do banheiro de um clube se destaca), o elenco esta engajado, principalmente Cruise, que chegou a fraturar o tornozelo em uma sequencia de ação que acabou sendo usada no filme. Como reportado, as gravações foram adiadas por meses até a recuperação do ator, inflando ainda mais o multimilionário orçamento do filme.

Veredito: Esperto, divertido e repleto de cenas de ação fantásticas, Fallout é sem dúvida um dos melhores filmes do verão americano desse ano e um dos melhores filmes de ação ja feitos. A serie, assim como seu astro, não mostram nenhum sinal de desgaste. Que venham mais missões impossíveis.

Avaliação: 8