Melhores Filmes 2018: Parte 1

Essa lista consta, sem ordem de preferencia, os melhores filmes que vi em 2018.

1- Shoplifters

shop

Excepcional filme japonês do diretor Hirokazu Koreeda, que é o representante do Japão ao Oscar 2019 de filme estrangeiro. Sobre uma família de ladrões de pequeno porte que acolhem uma garotinha que encontram abandonada no frio. Um dos filmes mais belos e emocionantes do ano. Avaliação: 9

2- A Star Is Born

star7.0

Refilmagem do longa de 1976, trata-se da estréia de Bradley Cooper na direção, que também estrela, ao lado de Lady Gaga. Conta a história de um musico que ajuda uma cantora a encontrar a fama, ao mesmo tempo que lida com sua carreira em decadência e com o alcoolismo. Cooper mostra talento surpreendente na direção, assim como Gaga como atriz, em um dos favoritos filmes ao Oscar 2019. Mesmo que a qualidade do filme caia drasticamente em sua segunda metade, ainda sim é um filme muito bem executado, sincero e bem atuado. Avaliação: 8

3- First Reformed

first-reformed-ethan-hawke-1

Como já citei anteriormente no blog, o filme do diretor Paul Schrader e estrelado por Ethan Hawke sobre um padre que tem sua fé testada é uma das obras mais impressionantes e poderosas do ano. Em um mundo justo, esse filme e Hawke deveriam estar entre os nomeados ao Oscar 2019, que será anunciado nessa próxima quinta-feira. Absolutamente imperdível. Avaliação: 9

4- The Death of Stalin

1795463433001_5615781374001_5615744412001-vs

Também já falei sobre essa sátira politica no blog, em que mostra a disputa pela sucessão do poder na antiga União Soviética após a morte do ditador Stalin. Inteligente e absolutamente engraçada, com um elenco afiadíssimo. Avaliação: 8

5- The Favourite

thr_the_favourite_sh03_243v2

O grego Yorgos Lanthimos decididamente me conquistou de vez com esse excepcional filme, trazendo um trio de atrizes em atuações magnificas. O filme mostra um triangulo amoroso entre a rainha Anne (Olivia Colman), sua amiga próxima Lady Sarah (Rachel Weisz) e uma nova servente, Abigail (Emma Stone). É um dos filmes mais brilhantes, engraçados e bem atuados do ano. Avaliação: 9

6- Annihilation

annihilation-sequels-700x300

É Inacreditável que essa ficção cientifica brilhante tenha sido esquecida entre as maiores premiações do ano, sendo um dos filmes mais inteligentes e impressionantes dos últimos anos. É daqueles filmes que o faz pensar por dias após ter visto, seja pela mensagem, pelo visual ou pelas atuações. Mostra uma bióloga que se junta à uma pequena equipe de cientistas rumo à uma secreta expedição, com o objetivo de descobrir o que aconteceu com seu marido, que desapareceu em uma expedição parecida. Dirigido por Alex Garland e estrelado por Natalie Portman, Jennifer Jason Leigh, Gina Rodriguez e Tessa Thompson. Obrigatório!  Avaliação: 

7- Roma 

golden_globes-roma-yalitza_aparicio-publicity_still-h_2018

Outro filme obrigatório, trata-se do belíssimo filme de Alfonso Cuarón, que mostra um ano da vida de uma empregada doméstica que trabalha para uma família de classe media no México dos anos 70. Favorito ao Oscar de filme estrangeiro do ano, essa obra fascinante e poderosa pode ainda levar o Oscar de melhor filme do ano. Avaliação: 9

8- Can You Ever Forgive Me

richard-e-grant-as-jack-hock-and-melissa-mccarthy-as-lee-israel2_wide-18ed807c97685b97330f511b3364593c0f021fba-s800-c85

Outro filme excelente que não vem recebendo a atenção que deveria, conta a historia de Lee Israel, (uma excepcional Melissa McCarthy), uma biógrafa de celebridades que, por falta de trabalho por não se adaptar mais ao perfil do mercado, acaba forjando cartas de figuras célebres. Baseado em fatos reais, a diretora Marielle Heller faz um excelente trabalho em um filme surpreendente e absolutamente bem executado, trazendo ainda uma trabalho formidável de McCarthy e Richard E. Grant , em duas das melhores atuações do ano. Avaliação: 8

9- Leave no Trace

lead_720_405

Dirigido por Debra Granik , que antes fez Winter’s Bone (2010), filme que lançou Jennifer Lawrence ao estrelato , mostra Will (Ben Foster) e sua filha adolescente, Tom (a revelação Thomasin Harcourt McKenzie), que moram pelas florestas de Portland, Oregon, até que são colocados em serviços sociais. Filme delicado, simples e poderoso sobre a ligação entre pais e filhos e seus diferentes ideais. Avaliação: 8

10 – Beast

1239940

Filme sobre jovem que vive com sua família opressiva até conhecer um estranho por quem se apaixona e se muda. Tudo muda quando ele é preso suspeito de uma série de crimes brutais. Suspense psicológico sombrio e ambíguo com uma excelente performance de Jessie Buckley. Impressionante estreia na direção do jovem diretor Michael Pearce. Avaliação: 8

11- First Man

jason_clark_olivia_hamilton_damien_chazelle_ryan_gosling_and_claire_foy_venice_film_fest

Damien Chazelle tem apenas 34 anos e já possui um carreira brilhante, com filmes como o excepcional Whiplash (2014) e a obra-prima La La Land (2016). Seu último filme é um olhar sobre a vida de Neil Armstrong e a lendária missão que o tornou o primeiro homem a pisar na lua em 1969. Sincero, tecnicamente perfeito e muito bem atuado, especialmente Claire Foy, First Man pode não se comparar à seus trabalhos anteriores, mas ainda é um dos trabalhos mais bem executados do ano. Avaliação: 8

12- Private Life

merlin_144555447_56214f57-0c50-47b8-a560-4857a49d8ea1-articlelarge

Utilizando de diversos métodos de fertilidade para engravidar, uma autora acaba tendo  seu relacionamento com seu marido colocado em risco. Dirigido por Tamara Jenkins, do premiado The Savages (20017)Private Life é um dos filmes mais emocionantes e profundos do ano, com uma cena final tão bela quanto incômoda. Kathryn Hahn está formidável como a protagonista. Avaliação: 8

13- Madeline’s Madeline

lead_720_405r

O mais recente projeto de uma diretora de teatro assume vida própria quando sua jovem estrela leva sua performance sério demais. Esse filme experimental e absolutamente surpreendente traz uma das melhores atuações do ano, a revelação Helena Howard, hipnotizante em sua estreia como atriz. O filme é uma experiencia e seu significado pode variar para cada espectador, mas sem duvida trata-se de uma experiencia inesquecível. Avaliação: 8

14- Hereditary

toni

Após a morte da reclusa matriarca da família Graham, sua filha Annie (Toni Collette) e sua família passam a desvendar segredos sinistros sobre seus antepassados. Um dos melhores filmes de terror dos últimos anos, Hereditary é o longa de estreia do diretor Ari Aster. Apesar de no final pecar por explicar e mostrar mais do que deveria, contrariando a abordagem do longa até então, ainda assim é uma obra muitíssimo bem dirigida, absolutamente tensa e assustadora e de brinde, com uma performance fantástica de Toni Collette. Avaliação: 8

Publicado por

andfp81

Movie buff and chocolate obsessed! Actually dessert in general! ;)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s